June 29, 2009 / 2:26 PM / in 8 years

Família participa de homenagem a Michael Jackson na TV

4 Min, DE LEITURA

<p>Janet Jackson, irm&atilde; do popstar Michael Jackson, durante premia&ccedil;&atilde;o BET Awards em Los Angeles 28/06/2009Mario Anzuoni</p>

LOS ANGELES (Reuters) - Artistas negros norte-americanos renderam homenagem ao popstar Michael Jackson na premiação BET Awards de uma emissora de TV, no domingo, em que sua irmã Janet Jackson e seu pai, Joe Jackson, fizeram suas primeiras aparições públicas desde a morte do cantor.

O momento mais comovente do show aconteceu na homenagem final, quando Janet, também uma popstar, subiu ao palco para agradecer ao público por comparecer ao tributo a seu irmão morto.

"Para vocês, Michael é um ícone. Para nós, Michael é família e vai viver para sempre em nossos corações", disse Janet, com a voz embargada e segurando as lágrimas. "Em meu nome e em nome de minha família, agradeço a todos vocês por seu amor. Obrigado a todos pelo apoio. Sentimos tanta falta dele."

Ela foi seguida pelo apresentador do show, Jamie Foxx, e o cantor de R&B Ne-Yo num dueto terno, cantando um sucesso do Jackson 5, "I'll Be There", enquanto imagens de Michael Jackson eram mostradas num telão.

Michael Jackson foi membro da banda de irmãos Jackson 5 nos anos 1970 e sensação musical solo. Seu disco "Thriller", de 1982, é o álbum mais vendido de todos os tempos, e Jackson foi durante 40 anos uma influência importante no R&B, hip-hop e muitos outros gêneros musicais.

Ele morreu subitamente de parada cardíaca na quinta-feira, em sua casa em Los Angeles, aos 50 anos. Os BET Awards, evento anual que homenageia cantores, atores e atletas afro-americanos, foi convertido em um tributo ao superastro do pop.

Sentado na primeira fileira, Joe Jackson assistiu a apresentações de artistas como Beyonce, Jay-Z, Lil Wayne e The O'Jays, a maioria dos quais fez depoimentos em homenagem a Jackson ou de alguma maneira destacou a influência que ele exerceu sobre suas carreiras.

"ELE PERTENCE A NÓS"

Antes da cerimônia, Joe Jackson disse à Reuters que se seu filho estivesse ali, "ele teria dito 'amo vocês todos', e ele teria amado todos. Eu queria que ele estivesse aqui para ver tudo isto."

O apresentador da cerimônia, Jamie Foxx, imprimiu a ela um clima de festa desde o primeiro momento, dançando o famoso "moonwalk" de Michael Jackson, cantando o sucesso "Beat It" e usando um figurino clássico do Rei do Pop: casaco de couro vermelho e uma luva branca.

"Vamos celebrar este homem negro. Ele pertence a nós, e nós o compartilhamos com todo o mundo", disse Foxx à multidão.

Dois momentos inspiradores da noite foram quando Beyonce cantou uma versão da "Ave Maria", trajando vestido branco angelical, e quando, mais tarde, ao receber seu troféu de melhor artista mulher de R&B, ela o ergueu ao alto.

"Isto é para você, Michael Jackson", disse ela, agradecendo-o por ter sido uma inspiração e um "herói" para ela. Mais tarde, Beyonce também recebeu o troféu de melhor vídeo musical.

Muitos artistas cantaram canções de Jackson e se vestiram como ele no palco -- casacos de couro, calças de cintura alta, meias brancas, figurinos em estilo uniforme e luva branca em uma mão.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below