Família Jackson procura dar vida normal a filhos do ídolo

segunda-feira, 29 de junho de 2009 11:39 BRT
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters) - Michael Jackson através dos anos vestia seus três filhos com véus e máscaras e até mesmo balançou um deles de uma sacada, um episódio que ficou famoso.

Mas com a morte repentina do problemático pop star, sua família procura dar um senso de normalidade a Prince Michael, de 12 anos, Paris Katherine, de 11 anos, e o Prince Michael 2o, de 7 anos.

Desde que Michael Jackson, de 50 anos, morreu na quinta-feira após sofrer um ataque cardíaco em sua casa em Los Angeles, sua família tem tomado conta das crianças e as resguardado da mídia.

No domingo, o pai do cantor disse em um comunicado -- lido por um representante ao seu lado em um show em homenagem a Michael Jackson -- que ele e sua mulher detêm autoridade exclusiva acima das crianças do Rei do Pop.

A mãe das duas crianças mais velhas é Deborah Rowe, uma ex-dermatologista casada com Michael Jackson de 1996 a 1999. A mãe da criança mais nova -- que também é chamada de Blanket e que Michael Jackson sacudiu da sacada de um hotel em Berlim em 2002 -- nunca foi identificada.

Enquanto Rowe continua tranquila com seus planos, alguns especialistas têm especulado que ela poderia pedir a custódia de seus dois filhos e receber ajuda financeira dos bens de Jackson para educá-los.

Mas Joe Jackson agiu rapidamente para afastar qualquer dúvida sobre a determinação de sua família em cuidar das crianças.

"Os filhos de Michael são nossa maior prioridade", disse Joe Jackson em um comunicado no domingo.   Continuação...

 
<p>Joe Jackson, pai de Michael Jackson, em Los Angeles. 28/06/2009. REUTERS/Phil McCarten</p>