Blogueiro é condenado por vazamento de músicas dos Guns N' Roses

quarta-feira, 15 de julho de 2009 11:14 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - Um blogueiro de Los Angeles foi condenado na terça-feira a dois meses de prisão domiciliar por deixar vazar músicas inéditas dos Guns N' Roses na Internet antes da divulgação oficial do primeiro álbum da banda em 17 anos.

Kevin Cogill também foi sentenciado a um ano de liberdade condicional e deve aparecer em uma propaganda antipirataria sob os termos de um acordo com promotores públicos.

Ele se declarou culpado em dezembro do ano passado por violação das leis de direitos autorais e concordou em ajudar as autoridades a identificar a fonte original do vazamento.

Cogill publicou nove faixas do álbum "Chinese Democracy", dos Guns N'Roses, no site www.antiquiet.com, cinco meses antes do CD ser vendido em novembro do ano passado. As faixas circularam amplamente, diminuindo parte das expectativas que rodearam o tão esperado álbum, que foi uma decepção nas vendas.

O anúncio do serviço público de Cogill feito pela Recording Industry Association of America, o grupo dos principais selos musicais dos Estados Unidos, deve ser divulgado durante a premiação do Grammy em 31 de janeiro.

Cogill enfrentou uma pena máxima de um ano em uma prisão federal, uma multa de 100 mil dólares e cinco anos de liberdade condicional. Mas o juiz norte-americano Paul L. Abrams disse que não houve motivação de lucro por trás de seus atos, as faixas foram divulgadas no blog por um curto período, e sua cooperação provou ser útil.

Um porta-voz do Departamento de Justiça dos Estados Unidos disse que o governo ainda está investigando a fonte original do vazamento das faixas.

(Reportagem de Dean Goodman)

 
<p>Um blogueiro de Los Angeles foi condenado na ter&ccedil;a-feira a dois meses de pris&atilde;o domiciliar por deixar vazar m&uacute;sicas in&eacute;ditas dos Guns N' Roses na Internet antes da divulga&ccedil;&atilde;o oficial do primeiro &aacute;lbum da banda em 17 anos. REUTERS/Karoly Arvai</p>