Angelina Jolie pede ajuda a iraquianos durante visita ao país

quinta-feira, 23 de julho de 2009 17:41 BRT
 

GENEBRA (Reuters) - A embaixadora da boa vontade da ONU, Angelina Jolie, em sua terceira viagem ao Iraque em dois anos, pediu nesta quinta-feira ajuda para cerca de 1,6 milhão de civis que seguem desalojadas no país.

A atriz visitou um campo para iraquianos desalojados em um subúrbio de Bagdá durante sua viagem de um dia, disse o Alto Comissariado para Refugiados da Organização das Nações Unidas em nota.

"Este é um momento em que as coisas parecem estar melhorando, mas iraquianos precisam de muito apoio e ajuda para reconstruírem suas vidas", disse Jolie segundo o comunicado.

Jolie visitou mais de 20 zonas de conflito, incluindo o Iraque, Afeganistão, Paquistão e Sudão desde que se tornou embaixadora da ONU em 2001.

Cerca de 1,6 milhão de iraquianos vivem desalojados no país, enquanto outros 300.000 retornaram às suas casas com uma melhora da segurança no ano passado, segundo a agência da ONU.

A Síria e a Jordânia afirmam ter registrado 2 milhões de refugiados iraquianos, mas a ONU diz que este número não corresponde a todos os iraquianos que deixaram o país.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

 
<p>Embaixadora da boa vontade da ONU, Angelina Jolie, conversa com iraquiano durante visita &agrave; campo de refugiados no Iraque.</p>