Fitas eróticas de Madonna e contrato de Hendrix vão a leilão

segunda-feira, 27 de julho de 2009 18:26 BRT
 

Por Christine Kearney

NOVA YORK (Reuters) - O primeiro contrato de gravação do mito do rock Jimi Hendrix, no valor de 1 dólar, e fitas eróticas de áudio e vídeo enviadas por Madonna a um antigo guarda-costas foram postos à venda nesta segunda-feira num leilão online.

Outros artistas e personalidades de destaque ligados aos mais de 450 itens oferecidos no leilão de arte pop e rock'n'roll no site www.gottahaverockandroll.com incluem John Lennon, Elvis Presley, Bob Dylan, Bruce Springsteen, Rolling Stones e Eminem. O leilão vai continuar até 5 de agosto.

O primeiro contrato de Jimi Hendrix do qual se tem notícia, no valor de US$1 e datado de 15 de outubro de 1965, pode ser arrematado por até 250 mil dólares, disseram os leiloeiros. Foi assinado por Hendrix e a produtora musical PPX Enterprises, de Nova York, prevendo que Hendrix tocasse e cantasse com exclusividade para ela pelo prazo de três anos.

O contrato -- no qual o primeiro nome de Hendrix está grafado "Jimmy" - lhe garantia 1 por cento das vendas de suas gravações no varejo.

Duas fitas cassete contendo 17 minutos de mensagens que Madonna deixou em 1992 e 1993 na secretária eletrônica de James Albright, um segurança que se tornou seu amante, estão previstas para ser arrematadas por entre 30 mil e 40 mil dólares.

Um vídeo caseiro íntimo enviado a Albright mostra Madonna num quarto de hotel com colegas de elenco. As imagens foram gravadas durante as filmagens de "Olhos de Serpente", de 1993. O vídeo está estimado em entre 12 mil e 14 mil dólares.

Também estão à venda cópias de cartas de amor enviadas por fax por Albright a Madonna entre 1992 e 1994, usando o codinome "Lola Montez".

A casa de leilões descreve o vídeo como "muito íntimo e pessoal", mas seus representantes disseram que não estão autorizados a revelar seu teor exato. As fitas de áudio e o vídeo serão vendidos sem direitos autorais, de modo que o comprador não poderá vendê-los para divulgação pública.   Continuação...

 
<p>Madonna, com vestido Louis Vuitton, em foto de arquivo em Nova York em maio de 2009 REUTERS/Eric Thayer</p>