Cantor Peter Andre ganha processo contra jornal por difamação

sexta-feira, 31 de julho de 2009 15:15 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O cantor britânico Peter Andre ganhou um processo por danos morais nesta sexta-feira contra um jornal que alegou que ele era infiel à sua ex-mulher, a modelo Katie Price, enquanto estavam casados.

O artista de 36 anos esteve na Alta Corte de Londres para o início de sua ação sobre uma reportagem que disse que ele foi infiel a Price e tinha uma amante, que foi publicada pelo jornal The Sunday People em maio.

"Estas alegações foram bastante frustrantes e ofensivas para o Sr. Andre, uma vez que eram falsas", disse seu advogado, Mike Brookes, à corte.

Ele acrescentou que a editora do jornal, a MGN Ltd., pediu desculpas e concordou em pagar os danos morais e os custos legais a Andre, informou a Press Association.

Falando do lado de fora da corte, o cantor disse que estava "satisfeito" que o jornal tenha aceitado que a história era "falsa e prejudicial a mim".

"Eu nunca fui infiel à minha mulher, não estive com esta menina e nem com qualquer outra", disse.

"É necessário acrescentar que se alguém faz calúnias com meu nome, eu não irei hesitar em tomar uma atitude contra esta pessoa."

No ano passado, Andre e Price ganharam um processo sobre um artigo do jornal News of the World, que retratava os dois como péssimos pais.

Andre se separou em maio de Price, de 30 anos, que fez fama no início de sua carreira como modelo sob o nome de Jordan. Eles ficaram casados quatro anos e meio. O casal se conheceu enquanto filmava o programa de reality show da TV "I'm a Celebrity... Get Me Out Of Here!".   Continuação...

 
<p>Cantor brit&acirc;nico Peter Andre ganha um processo contra um jornal que alegou que ele era infiel &agrave; sua ex-mulher, a modelo Katie Price, enquanto estavam casados. REUTERS/Toby Melville</p>