Ator australiano Russell Crowe nega ter sido expulso de pub

segunda-feira, 3 de agosto de 2009 09:20 BRT
 

SYDNEY (Reuters) - O ator australiano Russell Crowe negou nesta segunda-feira os rumores que diziam que ele foi expulso de um pub britânico após uma discussão sobre o horário de fechamento.

O jornal britânico Sunday Express informou que Crowe, de 45 anos, foi expulso do pub Brickmakers, em Windelsham, Surrey, próximo do set de filmagem de seu novo filme "Robin Hood".

Um morador não-identificado disse, segundo o jornal, que Crowe ofereceu dinheiro para continuar bebendo no pub após o horário de fechamento, mas não conseguiu e teria saído contrariado, quebrando um prato que estava no meio do caminho.

Um porta-voz do pub recusou comentar sobre o ocorrido ao jornal.

Mas o empresário de Crowe, Grant Vandenberg, disse que a notícia do jornal era falsa.

"A única verdade de tudo é que ele esteve lá (no pub)", disse Vandenberg à emissora de televisão australiana Nine Network.

"Ele esteve lá por quatro ou cinco vezes com seus filhos. Há um parquinho de diversões no fundo."

Crowe, que venceu o Oscar de melhor ator em 2001 por seu papel em "Gladiador", tem dois filhos com sua mulher Danielle Spencer.

(Reportagem de Belinda Goldsmith)

 
<p>Ator Russell Crowe em Westwood. 15/12/2008. REUTERS/Mario Anzuoni</p>