Autora de "Crepúsculo" é acusada de plágio

terça-feira, 4 de agosto de 2009 19:05 BRT
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters) - Uma escritora pretende processar a autora da série "Crepúsculo", Stephenie Meyer, acusando-a de ter copiado trechos de um livro pouco conhecido em seu romance "Amanhecer", disse um advogado na terça-feira.

J. Craig Williams, que representa a autora de "The Nocturne", Jordan Scott, disse à Reuters, por telefone, que as passagens em questão têm pouca semelhança de texto, mas os livros têm trama e personagens parecidos.

A editora Hachette, que publica os livros de Meyer, disse que a acusação não tem fundamento, e que sua autora criou toda a série "Crepúsculo" sem nunca ter ouvido falar de "The Nocturne".

"Amanhecer", lançado em 2008, é o quarto romance da série que tem como protagonista a adolescente Bella Swan, surpreendida em um romance com o vampiro Edward Cullen.

A editora diz que a série vendeu 70 milhões de exemplares no mundo, além de servir de base para uma série de filmes da produtora Summit Entertainment. O primeiro filme, "Crepúsculo", arrecadou mais de 380 milhões de dólares nas bilheterias mundiais. O segundo, "Lua Nova", será lançado em novembro.

Em "Amanhecer", Bella se casa com Cullen, e o livro acompanha a personagem ao longo de uma gravidez complicada e em sua nova vida como vampira.

Em carta à editora Hachette para propor um acordo, Williams cita similaridades entre "Amanhecer" e "The Nocturne" - como em passagens sobre uma cerimônia de casamento, uma relação sexual na praia e um trecho em que um humano transformado em vampiro descreve a mudança.

Williams também chama a atenção para o fato de que no dois livros há personagens que chamam a esposa de "love" ("amor").   Continuação...

 
<p>Uma escritora pretende processar a autora da s&eacute;rie "Crep&uacute;sculo", Stephenie Meyer, acusando-a de ter copiado trechos de um livro pouco conhecido em seu romance "Amanhecer", disse um advogado na ter&ccedil;a-feira. REUTERS/Mario Anzuoni</p>