Filho de Michael Douglas pode pegar prisão perpétua

sábado, 8 de agosto de 2009 14:47 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O filho do ator Michael Douglas pode ser condenado a prisão perpétua por ter traficado grande quantidade de drogas ao longo de três anos, até ser preso em julho, segundo documentos judiciais.

Cameron Douglas, 30 anos, ator eventual que contracenou com o pai e o avô Kirk Douglas em "Acontece nas Melhores Famílias", era acusado de ter recebido dezenas de milhares de dólares com a venda de anfetaminas, segundo a queixa divulgada nesta semana.

Douglas foi preso no dia 28 em um hotel de Manhattan e indiciado judicialmente no dia seguinte, mas a notícia da sua prisão só veio à tona na quarta-feira.

Rebecca Carmichael, porta-voz do Ministério Público dos EUA em Manhattan, disse que não comentaria se Douglas solicitou ou recebeu liberdade provisória.

Ele pode pegar no mínimo dez anos e no máximo prisão perpétua pelas acusações de porte e venda da anfetamina conhecida nas ruas como "crystal meth" ou "ice", fumada em cachimbos.

Douglas recebeu grande quantidade dessa substância na Califórnia e em seguida a enviou para Nova York por Fedex entre 2006 e 2009. Ele trabalhava com cúmplices que estavam colaborando com a DEA (agência antidrogas dos EUA), segundo a queixa.

Em várias gravações telefônicas Douglas se referia às drogas como "massa" ou "sais", segundo a acusação.

O Ministério Público e a DEA não quiseram comentar o caso. A próxima audiência ainda não está marcada.

Douglas já havia sido preso e indiciado por porte de cocaína em 2007 em Santa Barbara, na Califórnia.

 
<p>O filho do ator Michael Douglas pode ser condenado a pris&atilde;o perp&eacute;tua por ter traficado grande quantidade de drogas ao longo de tr&ecirc;s anos, at&eacute; ser preso em julho, segundo documentos judiciais. REUTERS/Fred Prouser</p>