Reader's Digest, de "Seleções", entra com pedido de concordata

segunda-feira, 24 de agosto de 2009 11:19 BRT
 

(Reuters) - A empresa Reader's Digest, que no Brasil publica a revista "Seleções", entrou com um pedido de proteção contra falência por suas operações nos Estados Unidos como parte de um plano com concessores de empréstimos para acabar com suas dívidas.

As operações no Canadá, América Latina, Europa, África, Ásia e Austrália-Nova Zelândia não farão parte do acordo, informou a empresa em um comunicado.

No início da semana passada, a Reader's Digest assinou um acordo com a maioria de seus membros para assegurar aos concessores de empréstimos os termos de um plano de reestruturação para reduzir suas dívidas e fortalecer financeiramente a empresa.

A Reader's Digest, com base em Pleasantville, Nova York, é o caso mais recente de uma empresa de mídia a ser afetada pela crise econômica, que tem cortado gastos com anúncios publicitários e impedido as empresas de pagar suas dívidas.

(Reportagem de Bijoy Koyitty, em Bangalore)

 
<p>C&oacute;pias da revista Reader's Digest em Port Washington. 18/08/2009. REUTERS/Shannon Stapleton</p>