Elton John diz querer adotar bebê ucraniano

sábado, 12 de setembro de 2009 17:03 BRT
 

DONETSK, Ucrânia (Reuters) - O cantor inglês Elton John, em visita à Ucrânia com a sua fundação de beneficente de luta contra Aids, afirmou neste sábado querer adotar um garoto de 14 meses de idade que hoje está em um orfanato no leste do país.

A Ucrânia tem a taxa de HIV que cresce mais rápido na Europa. Dois anos atrás o cantor deu um concerto de graça na principal praça de Kiev, reunindo dezenas de milhares de pessoas para ajudar na conscientização sobre o HIV e a Aids.

A fundação de Elton John colabora com a fundação ucraniana anti-Aids de Olena Franchuk, filha do antigo presidente Leonid Kuchma.

Ele cantou "Circle of Life" para as crianças no orfanato. Algumas delas estão ali porque seus pais morreram de Aids. Depois, ele e seu parceiro David Furnish, com um bebê no colo, foram questionados se pensavam em adotar.

"David e eu sempre falamos sobre adoção", respondeu Elton John. "David sempre quis adotar e eu sempre dizia não porque tenho 62 anos e também por causa da viagens e da vida que tenho, talvez não fosse justo com a criança", disse.

"Mas tendo visto Lev hoje, eu adoraria adotá-lo. Eu não sei como faríamos isso mas ele roubou meu coração. E ele roubou o coração do David e seria maravilhoso se pudéssemos ter uma casa. Eu mudei de ideia hoje", afirmou.

Elton John disse que a morte do tecladista que há muito o acompanhava, Guy Babylon, também ajudou a fazer com que mudasse de ideia.

"Semana passada perdi um de meus melhores amigos. Isso me arrasou, porque era um gênio e tão jovem e tinha duas crianças maravilhosas. Que oportunidade melhor do que a de substituir alguém que perdi por alguém a quem posso oferecer um futuro."

(Reportagem de Sergei Karazy)