Emmy Awards vive dilema: o melhor da TV é visto por menos gente

quinta-feira, 17 de setembro de 2009 14:13 BRT
 

Por Jill Serjeant

LOS ANGELES (Reuters) - A televisão norte-americana vai entregar seus prêmios mais importantes, os Emmy, no domingo, em meio a um dilema crescente.

Como conseguir que milhões de telespectadores assistam à festa em homenagem ao que a TV tem de melhor, quando esse melhor é visto apenas por uma minoria do público?

O drama satírico "30 Rock", estrelado por Tina Fey, e o drama de época "Mad Men", da TV a cabo, lideram as indicações ao Emmy. A cerimônia de entrega terá lugar em Los Angeles e será transmitida ao vivo pela CBS.

Apesar de a lista de indicados nas categorias mais importantes ter sido ampliada este ano para incluir rostos novos como o seriado de animação irreverente "Family Guy", da Fox, poucos dos vencedores prováveis no domingo agradam ao público de massas.

"Mad Men", que ganhou o Emmy de melhor drama no ano passado e é o mais cotado este ano, tem audiência de 2 milhões de telespectadores no canal a cabo AMC, enquanto "30 Rock" atrai 6 milhões na NBC. Já "American Idol", indicado na categoria dos reality shows, teve a média de 26 milhões de espectadores na temporada passada.

Os vencedores são escolhidos pelo voto de cerca de 10 mil membros da Academia de Artes e Ciências da Televisão.

Scott Robson, editor-chefe da AOL Television, disse que "os Emmy estão tentando servir a dois senhores no momento. Não é fácil."

A cerimônia do Emmy do ano passado teve a menor audiência dos 60 anos de história do evento, atraindo apenas 12,2 milhões de telespectadores.   Continuação...

 
<p>A atriz e roteirista Tina Fey &eacute; uma das principais indicada do pr&ecirc;mio Emmy de 2009 REUTERS/Mike Blake (UNITED STATES)</p>