Polícia italiana apreende brincos de Maradona após sonegação

sexta-feira, 18 de setembro de 2009 15:32 BRT
 

ROMA (Reuters) - Autoridades do fisco italiano apreenderam nesta sexta-feira brincos do argentino Diego Maradona avaliados em 4 mil euros para ajudar a pagar impostos sonegados.

A agência de arrecadação de impostos da Itália, Equitalia, afirmou que a polícia financeira apreendeu os brincos em uma clínica no norte da Itália onde Maradona se internou recentemente para perder peso.

Não é o primeiro problema de Maradona com as autoridades tributárias, que garantem que ele deve 31 milhões de euros ao país em impostos sonegados no período em que ele jogava pelo Napoli, entre 1984 e 1991.

O atual técnico argentino responsabiliza o clube pelos impostos devidos.

Há três anos, a polícia tributária tomou dois relógios Rolex de Maradona, que havia ido à Itália para uma partida beneficente. Em 2005, ele perdeu o cachê por participar de um programa de dança na TV, e em 2001 foi recebido por 20 policiais quando desceu do avião em Roma.