Filme sobre John Lennon encerra festival de cinema de Londres

quinta-feira, 29 de outubro de 2009 13:44 BRST
 

Por Mike Collett-White

LONDRES (Reuters) - O festival de cinema de Londres termina nesta quinta-feira com a première mundial de "Nowhere Boy", sobre os anos rebeldes da adolescência de John Lennon e sua relação complicada com a mãe e a tia antes da formação dos Beatles.

O filme, que é a estreia na direção da videoartista Sam Taylor-Wood, traz Aaron Johnson no papel do revoltado e confuso Lennon, que não entende por que sua mãe, Julia, o deixou vivendo com sua tia Mimi quando ele era pequeno.

O filme traça um contraste com sua tia rígida e conservadora, representada por Kristin Scott Thomas, e sua mãe descontraída e divertida (Anne-Marie Duff), que o incentiva a ouvir rock'n'roll e o ensina a tocar banjo.

Indagada sobre a fidelidade do relato que fez da adolescência complicada do grande astro, Taylor-Wood disse à rádio BBC:

"Frequentemente existem várias versões da verdade. Talvez se você tivesse falado com Mimi ela tivesse apresentado uma versão, e Julia, a mãe de Lennon, tivesse dado outra. Na medida do possível, acho que meu filme está bastante próximo da verdade."

Ela confessou também que tratar de um tema tão reverenciado quanto John Lennon em seu primeiro longa-metragem foi um pouco assustador.

"Acho que embarquei nessa com alguma ingenuidade", disse a diretora de 42 anos.

"Foi só depois de ter passado muito tempo em Liverpool, indo para vários lugares, que comecei a me dar conta da magnitude do tema que eu decidira encarar. Houve momentos em que pensei 'não vou dar conta, isto é grande demais para mim."   Continuação...

 
<p>O festival de cinema de Londres termina nesta quinta-feira com a premi&egrave;re mundial de "Nowhere Boy", sobre os anos rebeldes da adolesc&ecirc;ncia de John Lennon e sua rela&ccedil;&atilde;o complicada com a m&atilde;e e a tia antes da forma&ccedil;&atilde;o dos Beatles. PRNewsFoto/Rock &amp; Roll Hall of Fame Annex</p>