Cartas do poeta Lord Byron são vendidas por US$ 455 mil

sexta-feira, 30 de outubro de 2009 17:56 BRST
 

LONDRES (Reuters Life!) - Uma coleção de cartas escritas pelo poeta inglês Lord Byron a um de seus amigos mais próximos foi vendida na quinta-feira por 277 mil libras (cerca de 455 mil dólares), bem acima da expectativa, disse a Sotheby's.

As correspondências para o amigo do poeta, Francis Hodgson, que era padre, datam de 1808 a 1828. A casa de leilão londrina esperava obter lances entre 150 mil e 180 mil libras.

As cartas, que somam 71 páginas e contêm muitos trechos inéditos, foram consideradas as mais importantes do poeta a vir a público em mais de 30 anos.

Nelas, Byron detalha um romance com uma empregada, chama o poeta William Wordsworth de desprezível e comenta que os portugueses têm poucos defeitos "além dos piolhos e da sodomia".

As cartas pertenciam ao ex-premiê Archibald Primrose, que as comprou em 1885.

Byron morreu na Grécia em 1824, aos 36 anos.