Jennifer Lopez processa ex-marido por filme

segunda-feira, 9 de novembro de 2009 18:05 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - Dois anos depois de ganhar uma sentença de 545 mil dólares contra ele, a cantora e atriz Jennifer Lopez abriu novo processo contra seu primeiro marido, acusando-o de usar vídeos da vida sexual de ambos em um filme biográfico.

Na ação judicial, Lopez diz que o ex-marido Ojani Noa está querendo lançar um filme, chamado "How I Married Jennifer Lopez" (como eu me casei com Jennifer Lopez) com imagens dele e da cantora em situações explícitas, incluindo um encontro sexual em um quarto de hotel durante a lua-de-mel de ambos, em 1997.

Lopez, que se casou com o cantor Marc Anthony em 2004 e tem dois filhos com ele, quer 10 milhões de dólares em indenização e uma ordem da Justiça para evitar a divulgação de qualquer vídeo mostrando-a em situações íntimas com Noa.

Essa é a segunda vez que Lopez processa seu primeiro marido, um modelo e chef com quem ficou casada por menos de onze meses.

Noa não respondeu um e-mail pedindo uma declaração.

Em 2006, Lopez processou Noa por causa de planos que ele tinha de publicar um livro contando a vida de casados dos dois. O processo resultou em um juiz da Califórnia ordenando Noa a pagar a Lopez 545 mil dólares por quebra de contrato. Lopez disse que Noa havia assinado um acordo de não publicar detalhes da relação de ambos.

Lopez estrelou o filme de 2002 "Encontro de amor" e tem músicas de sucesso como "Jenny from the Block" e "Love Don't Cost a Thing."

(Reportagem de Alex Dobuzinskis)

 
<p>Foto de arquivo de Jennifer Lopez de 27 de outubro de 2009. Dois anos depois de ganhar uma senten&ccedil;a de 545 mil d&oacute;lares contra seu primeiro marido, a cantora e atriz abriu novo processo contra ele, acusando-o de usar v&iacute;deos da vida sexual de ambos em um filme biogr&aacute;fico. REUTERS/Mario Anzuoni</p>