Estilista britânica Luella Bartley suspende atividades

quarta-feira, 11 de novembro de 2009 14:27 BRST
 

LONDRES (Reuters Life!) - Luella Bartley, a jovem estilista britânica que vestiu celebridades como a modelo Kate Moss e a cantora Lily Allen, tornou-se a mais recente vítima da recessão no mundo da moda.

Em comunicado enviado à Reuters por email na segunda-feira, a grife de Bartley, chamada Luella, disse que terias suas atividades suspensas depois que seu principal patrocinador anunciou que não investirá mais na empresa.

A Luella Bartley Ltd. informou que sua principal fornecedora na Itália, Carla Carini, fechou inesperadamente no mês passado, deixando a grife sem condições de atender aos pedidos para a primavera/verão de 2010.

Bartley recebeu o prêmio de Estilista do Ano no British Fashion Awards (prêmios da moda britânica) do ano passado.

"Esta é uma situação muito decepcionante para todos os envolvidos", disse Luella Bartley.

Ex-jornalista da moda britânica que fundou sua empresa há uma década, Bartley vem atraindo inúmeros elogios da imprensa especializada e das celebridades que são suas fãs.

Conhecida por sua mistura divertida de vestidos de festa com detalhes punk, a Luella é a grife favorita das garotas britânicas descoladas e é usada regularmente por figuras que frequentam os tabloides londrinos, como Alexa Chung, Lilly Allen e as filhas do cantor e ativista Bob Geldof.

A estilista certa vez descreveu seu look como "o tipo de roupa no qual você pode cair de bêbada".

As bolsas, os artigos de couro e os acessórios de cabelo da Luella vendem bem. Os vestidos -- que custam em média 500 libras (800 dólares) cada -- podem não ser baratos, mas são populares em butiques e grandes lojas de departamentos, e sua linha de camisetas gráficas oferece uma maneira de "penetrar" na grife a um preço mais acessível.

Bartley fundou a Luella em 1999. Sua fusão de influências britânicas tradicionais - casacos e jaquetas de caça Crombie - com detalhes modernos e originais coincidiu com o revival do movimento "Cool Britannia". Ela abriu sua loja principal na Brook Street, no bairro londrino de Mayfair, em 2007.

(Reportagem de Paul Casciato)