Sarkozy se diz aliviado por recuperação de Johnny Hallyday

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 19:27 BRST
 

BRUXELAS (Reuters) - O presidente Nicolas Sarkozy disse nesta sexta-feira que estava aliviado porque o estado de saúde do roqueiro francês Johnny Hallyday parecia melhor depois de uma cirurgia em um hospital de Los Angeles.

O cantor de 66 anos, um dos artistas mais populares da França há quase 50 anos, sofreu uma complicação depois de uma cirurgia para tratar uma hérnia de disco em novembro e foi internado no hospital Cedars-Sinais.

"Fiquei feliz de ouvir que ele estava se recuperando e tenho certeza de que todo o povo francês vai querer desejar o melhor e uma recuperação rápida a ele", disse Sarkozy, amigo do cantor, em uma entrevista coletiva em Bruxelas, na Bélgica.

Hallyday começou sua carreira nos anos 1960 como a versão local de Elvis Presley. Ele se tornou um cantor prolífico e também participou de dezenas de filmes.

O noticiário francês desta semana foi dominado por boletins sobre a saúde do cantor, que foi internado depois de se queixar de dores agudas na coluna durante o voo Paris-Los Angeles.

Sarkozy disse que estava sendo informado pelo filho do cantor sobre o estado de Hallyday, que foi induzido a um coma artificial para não sofrer e se recuperar mais rápido.