ESTREIA-Roedores ganham namoradinhas em "Alvin e os Esquilos 2"

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010 11:15 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - "Alvinnn!". É com esse famoso bordão -- mais uma bronca, na verdade -- que volta aos cinemas, depois de uma bem-sucedida estreia na telona em 2007, o trio de esquilos músicos, criado no final da década de 1950 pelo cantor Ross Bagdasarian e sucesso na TV.

"Alvin e os Esquilos 2" estreia em todo o Brasil em cópias dubladas.

Como o anterior, este filme reúne atores reais com imagens criadas por computador dos três roedores e de suas novas amiguinhas -- um trio de esquilinhas -- que combinam perfeitamente com os protagonistas. O grupo original é formado por Alvin, o líder, bagunceiro e rebelde, e seus irmãos, Simon, o inteligente, e Theo, gorducho, atrapalhado, mas de bom coração.

A história começa com um show dos esquilos, que têm uma banda pop. Um acidente obriga seu empresário, Dave (Jason Lee, de "O Balconista 2"), a ficar num hospital. A tia que iria cuidar do trio de esquilos também sofre um acidente (não por acaso, alguém grita Alviiinnnn!!' nos dois casos), e a trupe fica sob a tutela do primo Toby (Zachary Levi, da série "Chuck"), um sujeito sem qualquer perspectiva na vida e viciado em videogame.

Alvin, Simon e Theo são obrigados a frequentar uma escola -- onde estudam ao lado de jovens. Ninguém estranha um trio de esquilos assistindo às aulas e interagindo com humanos -- afinal, eles são famosos. Mas não são os únicos estudantes roedores: três esquilinhas lhes farão companhia. Elas também formam uma banda, chamada As Esquiletes, e cada uma delas é um par perfeito para os meninos: a líder, a estudiosa e a atrapalhada.

Na escola, cada esquilo conhece novos amigos e mostra novas facetas de sua personalidade. Alvin se enturma com os esportistas e pensa que pode ser ainda mais famoso tornando-se um atleta. O trio deverá participar de uma competição de bandas, mas o esquilo mais velho está tão ocupado com o esporte que poderá deixar todos na mão.

Dirigido por Betty Thomas ("Sou Espião"), "Alvin e os Esquilos 2" eleva à enésima potência o ritmo frenético e a cantoria do primeiro filme. Os adultos que conhecem os personagens da época da televisão poderão estranhar tanta correria. As crianças, especialmente aquelas que descobriram Alvin e seus irmãos no filme anterior, provavelmente acharão natural.

(Por Alysson Oliveira, do Cineweb)

* As opiniões expressas no texto são responsabilidade do Cineweb