Elvis é celebrado em Graceland em seu aniversário de 75 anos

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010 19:34 BRST
 

Por Richard Cotton

MEMPHIS, Estados Unidos (Reuters) - Centenas de fãs de Elvis Presley desafiaram o frio e a neve na sexta-feira para celebrar os 75 anos do "Rei do Rock" em Graceland, a residência transformada em "templo" e parte de uma máquina empresarial que arrecada mais de 50 milhões de dólares por ano.

"Dá para sentir a presença dele aqui", disse a devota texana Debbie Bradshaw ao visitar a mansão em Memphis, no Tennessee, onde Elvis morreu aos 42 anos em 1977, vítima de parada cardíaca.

Cerca de 1.500 pessoas tiritaram e cantaram juntas "That's All Right", um dos primeiros sucessos do cantor, a uma temperatura de 12 graus Celsius negativos. Flocos de neve se acumulavam sobre as pessoas.

A recepção mais calorosa dos enregelados fãs coube à esposa Priscilla, à filha Lisa Marie e aos dois filhos dela - inclusive Benjamin Keough, de 17 anos, sósia do avô -, que apareceram num palco montado sob uma tenda no shopping center e m frente a Graceland, atravessando o boulevard Elvis Presley.

Benjamin e sua irmã Riley, de 20 anos, cortaram um bolo de aniversário de várias camadas.

Priscilla agradeceu os visitantes por virem, e disse numa entrevista posterior que Elvis permaneceu "provavelmente tão popular, ou mais popular, desde que faleceu".

Vendas de músicas do cantor, o licenciamento da sua imagem e a arrecadação de cerca de 600 mil visitantes em Graceland geraram em 2009 um faturamento de 55 milhões de dólares, segundo a revista Forbes.

Elvis é uma das mais lucrativas celebridades já mortas - liderou essa lista da Forbes em 2007 e 2008, mas foi superado no ano passado pelo estilista Yves Saint Laurent, pelos compositores Rodgers e Hammerstein, e por seu ex-genro Michael Jackson, que foi casado com Lisa Marie e morreu em 2009.

Tupelo, cidade natal de Elvis, no Mississippi, também homenageou o filho ilustre com um show de imitadores e uma festa para fãs do exterior, que chegaram em vários ônibus.

 
<p>Rosas e presentes s&atilde;o deixados no t&uacute;mulo de Elvis Presley durante a comemora&ccedil;&atilde;o de 75 anos no jardim de Graceland em Memphis, Tenessee, no dia 8 de janeiro. Centenas de f&atilde;s desafiaram o frio e a neve para relembrar o "Rei do Rock". REUTERS/Nikki Boertman</p>