January 29, 2010 / 8:16 PM / 7 years ago

Travolta diz que fé o ajudou a superar morte do filho

2 Min, DE LEITURA

NOVA YORK (Reuters) - John Travolta, voltando à cena depois da morte súbita de seu filho adolescente há um ano, disse que sua fé o ajudou a superar a tragédia.

O ator norte-americano de 55 anos, que é cientologista, falou a repórteres sobre como ele, a esposa Kelly Preston e a filha Ella estavam lidando com a morte de Jett aos 16 anos de idade de uma convulsão em janeiro de 2009.

"Trabalhamos duro todos os dias com nossa igreja pela cura. Kelly, Ella e eu estamos trabalhando muito duro e eles estão nos ajudando", disse o ator à Reuters Television na estreia em Nova York, na quinta-feira, de seu filme "From Paris With Love".

Travolta passou a maior parte de 2009 longe do público depois da morte de Jett em um resort nas Bahamas durante férias da família.

Na segunda-feira, a estrela de "Pulp Fiction" voou em seu avião particular para o Haiti com 50 médicos e mantimentos para a nação devastada por um terremoto. A viagem de volta trouxe haitianos-americanos para os EUA para se reunirem com familiares.

Travolta disse que esperava fazer mais pelo Haiti nas próximas semanas. "Estou investigando todos os contatos que tenho para enviar mais apoio".

"From Paris With Love", que estreia nos cinemas norte-americanos em 5 de fevereiro, traz Travolta como um agente que é enviado a Paris para interromper um ataque terrorista.

Reportagem de Natasha Israni

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below