Cerimônia do Grammy apresenta homenagem em 3D a Michael Jackson

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010 11:51 BRST
 

Por Sue Zeidler

LOS ANGELES (Reuters) - A festa do Grammy aderiu à onda do 3D com uma homenagem a Michael Jackson repleta de efeitos especiais, em uma cerimônia de premiações no domingo que incluiu vários momentos espetaculares.

Os filhos mais velhos de Jackson, Prince Michael, de 12 anos, e Paris, de 11, subiram ao palco após a homenagem para receber um prêmio pelo conjunto da obra de seu pai em nome do popstar, que morreu em junho passado de uma overdose de medicamentos.

Carrie Underwood, Celine Dion, Jennifer Hudson, Smokey Robinson e Usher cantaram na homenagem, fundindo suas vozes à do Rei do Pop contra o pano de fundo de um filme em 3D com a canção ecológica "Earth Song", de 1995, de Michael Jackson.

Óculos 3D gratuitos para o Grammy foram distribuídos em lojas Target dos EUA para que os espectadores pudessem assistir à homenagem em 3D em suas casas. O esforço 3D do Grammy aconteceu após o enorme sucesso do filme 3D "Avatar", de James Cameron, que acaba de tornar-se o maior sucesso comercial da história do cinema mundial.

Não faltaram outros momentos espetaculares na festa do Grammy, que começou com a bombástica Lady Gaga cantando seu sucesso "Poker Face" trajando um figurino verde e brilhante de borboleta, sendo vítima de um falso sequestro sobre o palco e depois reaparecendo para cantar com Elton John.

Beyonce, que recebeu vários Grammy, cantou "If I Were a Boy", enquanto Pink cantou "Glitter in the Air" com figurino exíguo e suspensa no ar por uma corda acima do público.

Parte do filme de Michael Jackson exibido durante o Grammy foi visto no documentário recente "This Is It", rodado durante os ensaios para a série de shows em Londres para a qual Jackson se preparava quando morreu. O popstar é visto aparentando estar em boa forma, poucos dias antes de sua morte em junho de 2009.

Jackson pretendia que a canção e o filme de tema ecológico fizessem parte da série de shows, que estava prevista para começar em julho do ano passado. Ele era considerado um dos artistas de maior sucesso comercial de todos os tempos, cuja música e cujos vídeos transformaram a arte e romperam barreiras raciais.

O clipe mostra uma floresta verdejante vista pelos olhos de uma menina.

 
<p>Jennifer Hudson, Celine Dion, Smokey Robinson, Usher e Carrie Underwood fazem tributo a Michael Jackson na 52a premia&ccedil;&atilde;o dos Grammys em Los Angeles. A festa do Grammy aderiu &agrave; onda do 3D com uma homenagem a Michael Jackson repleta de efeitos especiais. REUTERS/Mike Blake 31/01/2010</p>