"Up" é favorito ao Oscar em disputa acirrada entre animações

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010 13:39 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - A categoria de animação no Oscar deste ano inclui sapos cantores, raposas astutas e crianças corajosas, mas, apesar da concorrência acirrada, a expectativa geral é que "Up - Altas Aventuras" leve o Oscar para casa.

Esta semana "Up", da Disney/Pixar, tornou-se o único filme de animação da história além de "A Bela e a Fera", de 1991, a ter sido indicado para o Oscar de melhor filme, e a história sobre um menino e um idoso que saem voando em uma casa amarrada a balões também foi indicado na categoria de melhor animação.

Cineastas e críticos dizem que os filmes indicados são todos muito diferentes, muito bons e rivalizam em qualidade com os dramas que disputam o cobiçado Oscar de melhor filme.

"A animação este ano chegou a superar os filmes de ação ao vivo. É um campo tremendamente competitivo, em matéria de qualidade", disse Peter Hammond, crítico do site TheEnvelope.com, de Los Angeles, que cobre premiações de cinema.

Mas ele disse que "Up" é o "favorito absoluto" na categoria animada.

Os cinco filmes animados indicados incluem dois que saíram em 3D ("Up" e "Coraline e o Mundo Secreto"), dois feitos com figurinos minúsculos manipulados pelo processo trabalhoso conhecido como stop-motion ("O Fantástico Sr. Raposo" e "Coraline") e dois filmes desenhados manualmente ("A Princesa e o Sapo" e "The Secret of Kells").

Este ano o número de indicados ao Oscar de animação foi ampliado para cinco, em lugar dos três de costume, devido à abundância de filmes que mereciam a indicação.

Mesmo assim, Tom O'Neil, do TheEnvelope.com, disse que alguns filmes de alta qualidade ficaram de fora da lista, mais especialmente "Ponyo", do diretor japonês premiado com o Oscar Hayao Miyazaki.

Henry Selick, o diretor de "Coraline", concorda.   Continuação...

 
<p>Personagem de Carl Fredrickson se apresenta na estreia do filme "Up - Altas Aventuras" da Disney-Pixar em Hollywood, Calif&oacute;rnia. REUTERS/Fred Prouser 16/05/2009</p>