Aventura de Lindsay Lohan no mundo da moda acaba após um desfile

segunda-feira, 8 de março de 2010 14:10 BRT
 

Por Sophie Hardach

PARIS (Reuters) - A carreira de estilista da atriz de Hollywood Lindsay Lohan terminou após uma única coleção criada para a grife parisiense Emanuel Ungaro, e o mundo da moda ficou dividido entre os que acham que seu trabalho foi um desastre e os que consideram que foi uma injeção de diversão que estava fazendo falta.

A estilista da Ungaro Estrella Archs, que trabalhou com Lohan na coleção do ano passado muito criticada, que incluiu vestidos que deixavam as nádegas à mostra e adesivos colados a mamilos, como os de strippers, exibiu sua segunda coleção para a Ungaro na segunda-feira e disse que Lohan não participou do trabalho desta vez.

"A gente tem altos e baixos e aprende muito, mais com os baixos que com os altos", disse Archs a jornalistas no backstage, depois de perguntada sobre as críticas negativas ao desfile do ano passado feito com Lohan, que atuou como assessora artística.

Aparentando estar quase em lágrimas, Archs disse: "Sinto que tenho que trabalhar, trabalhar, trabalhar e trabalhar. Venho fazendo isto há muito tempo, com pessoas diferentes e para diferentes maisons, e acho que esse é o melhor remédio."

A coleção conjunta de Archs e Lohan acaba de chegar às lojas, mas Lohan voltou a comprar moda, mais que produzir -- ela foi vista no desfile de Roberto Cavalli em Milão e foi convidada ao da Dior em Paris na sexta-feira, mas chegou atrasada e perdeu o desfile.

Sem carreira no entretenimento à qual voltar se for preciso, Archs continuou na Ungaro, para a qual apresentou uma coleção de outono/inverno de vestidos com cores de joias, bustiês e calças de estampa de leopardo.

Ela pode se animar com o fato de que os varejistas têm sido, no geral, menos avessos a suas criações que os críticos.

TORCENDO POR LINDSAY   Continuação...