Antonio Banderas é nomeado Embaixador da Boa Vontade na ONU

quarta-feira, 17 de março de 2010 20:39 BRT
 

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) nomeou o ator espanhol Antonio Banderas "Embaixador da Boa Vontade" na luta mundial contra a pobreza, anunciou a agência na quarta-feira.

O Pnud informou que Banderas vai usar seu status de celebridade para atrair atenção para os objetivos de desenvolvimento do milênio, um conjunto de metas que visam a reduzir pela metade a pobreza mundial até 2015 com o combate à fome, doenças, analfabetismo, poluição e discriminação contra as mulheres.

"A pobreza nos rouba nosso potencial como pessoa, impedindo-nos de ser tudo o que podemos ser", disse Banderas em um comunicado. "É por isso que é tão importante mobilizar todos os nossos esforços para derrotá-la."

A chefe do Pnud, Helen Clark, declarou que o "comprovado compromisso de Banderas com as causas dos menos favorecidos torna-o um defensor ideal de nosso trabalho".

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, alertou os países membros da ONU na terça-feira que o progresso para alcançar as metas tem sido irregular, e que para muitas nações será necessário intensificar esforços para cumpri-las.

Banderas, de 49 anos, é ator, cantor, autor e produtor. Atualmente escreve o roteiro, dirige e produz um filme sobre Boabdil, ou Abu Abdullah Muhammad XII, o último muçulmano que governou Granada, na Espanha.

(Reportagem de Louis Charbonneau)

 
<p>Atores Melanie Griffith e Antonio Banderas chegam &agrave; cerim&ocirc;nia dos Oscars em Hollywood. Banderas foi nomeado "Embaixador da Boa Vontade" da ONU nesta quarta-feira na luta mundial contra a pobreza. 07/03/2010 REUTERS/Brian Snyder</p>