Atriz Anna Paquin diz ser bissexual

quinta-feira, 1 de abril de 2010 16:39 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A premiada atriz Anna Paquin disse na quinta-feira ser bissexual, em um vídeo de campanha de militantes da causa, surpreendendo os fãs da série "True Blood" e causando a queda do site da organização responsável.

A atriz fez a revelação num evento cheio de celebridades, organizado pela campanha Give a Damn (algo como "Nem ligue"), iniciativa feita pela Internet com apoio do Fundo True Colors, da cantora Cindy Lauper.

"Sou bissexual", disse Paquin, neozelandesa de origem canadense, acrescentando que "um crime de ódio é cometido aproximadamente a cada hora de cada dia neste país (os EUA)".

No ano passado, Paquin confirmou seu noivado com Stephen Moyer, também de "True Blood".

A assessoria da atriz não foi localizada para comentar.

Lauper, Whoopi Goldberg, Elton John e Sharon Osbourne estão entre outros astros que participam da campanha.

"Percebi que a igualdade significa muito para pessoas que não a tem, e que, como hétero, tenho a responsabilidade de me erguer pelos gays e transexuais a cada dia", disse Lauper em nota.

(Reportagem de Alex Dobuzinskis)