Espanha se despede de televisão analógica

sábado, 3 de abril de 2010 15:55 BRT
 

MADRI (Reuters) - A Espanha deu adeus definitivo à televisão analógica e aderiu plenamente neste sábado à Televisão Digital Terrestre (TDT), depois de um longo processo de transição que começou há cinco anos e foi concluído com o desligamento dos nove últimos centros que transmitiam no sinal antigo.

A mudança, que o ministro da Indústria, Miguel Sebastián, chamou de "a Televisão de Todos" e permite aumentar o número de canais, melhorar a qualidade e oferecer novos serviços, foi produzido dois anos antes da data proposta pela Comissão Europeia.

Os habitantes de Gijón e Oviedo, em Astúrias; Santa Cruz de Tenerife e a ilha de La Palma, nas ilhas Canárias; e Salamanca e León, em Castilla e León, foram os últimos a entrarem nesta nova etapa, na qual a tecnologia digital é incorporada ao sinal de televisão.

"Estamos diante de uma semana histórica, como foi a chegada da televisão ou a imagem colorida", disse o ministro, na quarta-feira, quando foram apagadas as emissões analógicas em Madri, Barcelona e Sevilla.

A TDT permite passar de 6 a mais de 30 canais, oferece uma imagem de melhor qualidade, semelhante à do DVD, permite assistir à televisão em formato panorâmico, sem cortes nem faixas pretas, melhora a qualidade do som, e oferece novos serviços, como a seleção do idioma, com maior interatividade e teletexto digital.

(Reportagem de Teresa Larraz)