Colecionador francês tem gravura de Picasso roubada na França

sábado, 22 de maio de 2010 13:18 BRT
 

MARSELHA, França (Reuters) - Ladrões roubaram cinco pinturas, incluindo uma de Pablo Picasso, da casa de um colecionador no sul da França, que foi agredido durante o assalto, segundo relatou a polícia neste sábado.

A obra mais importante roubada foi uma gravura de Picasso, que trazia a figura do rosto de uma mulher. As outras obras são de artistas menos famosos, segundo a polícia, que não deu os nomes dos outros artistas.

O episódio se dá dois dias depois do roubo de pinturas de Picasso, Henri Matisse, Amedeo Modigliani e outros de um museu, avaliadas em cerca de 100 milhões de euros.

O colecionador foi hospitalizado pelo golpe que recebeu dos ladrões.

O roubo é o mais recente a acontecer em Marselha. Em janeiro, foram roubadas 30 pinturas de uma coleção privada. Em dezembro, foi levado um desenho de Edgar Degas de um museu.

(Reportagem de Jean-François Rosnoblet; Redação por John Irish; Editado por Marion Giraldo)