Kristen Stewart, de "Crepúsculo", compara sua fama a um estupro

quarta-feira, 2 de junho de 2010 16:27 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A atriz Kristen Stewart, que se prepara para mais uma invasão de mídia com o lançamento de "A Saga Crepúsculo: Eclipse" neste mês, diz que a vida no tapete vermelho quase parece um estupro.

"O que vocês não veem são as câmeras enfiadas em minha cara e as perguntas bizarras e intrometidas que são feitas, ou as pessoas se empurrando, acotovelando, gritando e dizendo coisas ofensivas para conseguir uma reação", disse Stewart, de 20 anos, na edição de julho da revista Elle britânica.

"As fotos são tão... eu me sinto como se estivesse observando alguém ser estuprada."

"Boa parte do tempo eu não lido bem com isso", disse ela. "Nunca imaginei que minha vida seria assim."

Kristen Stewart e Robert Pattinson, seu parceiro na telona, viraram ídolos teens internacionais depois de representarem a tímida Bella Swan e o vampiro Edward Cullen no primeiro filme "Crepúsculo", em 2008.

"Eclipse", o terceiro filme da franquia, baseado no terceiro livro da saga de best-sellers, vai estrear nos cinemas dos EUA e boa parte da Europa em 30 de junho.

Stewart disse à Elle que é irritante quando repórteres lhe perguntam continuamente se ela e Pattinson, de 24 anos, estão namorando. Os dois vêm evitando há mais de um ano responder a perguntas de natureza romântica.

"Por que eu iria querer que algo que é particular virasse entretenimento para outras pessoas? As pessoas dizem que se eu revelasse tudo, seria deixada em paz, mas, meu Deus, você acha que se eu responder vão me deixar em paz? Elas se agarram a qualquer coisinha que seja, e isso é muito pior."

(Reportagem de Jill Serjeant)

 
<p>Nunca imaginei que minha vida seria assim", disse a atriz norte-americana Kristen Stewart. 03/05/2010 REUTERS/Jessica Rinaldi</p>