24 de Junho de 2010 / às 11:52 / 7 anos atrás

Herbie Hancock reúne o mundo todo em seu "The Imagine Project"

<p>Herbie Hancock no baile pr&eacute;-inaugural do Huffington Post em Washington em 2009. Ap&oacute;s uma carreira que abrange cinco d&eacute;cadas, o jazzista lan&ccedil;a o novo &aacute;lbum "The Imagine Project". 20/01/2009 REUTERS/Mitch Dumke</p>

Por Jill Jacobs

NOVA YORK (Reuters) - Após uma carreira que abrange cinco décadas, o jazzista Herbie Hancock não dá sinais de reduzir o ritmo, lançando um novo álbum com a participação de uma variada gama de colaboradores, da sitarista Anoushka Shankar à cantora pop Pink.

Em “The Imagine Project”, que chega às lojas e sites de música nesta semana, Hancock registra duetos gravados em sete países de cinco continentes, com a mensagem de “paz por meio da colaboração global”, segundo o artista, ganhador de 12 prêmios Grammy.

“Eu definitivamente quis fazer um disco global”, disse o pianista e compositor de 70 anos. “Para que ele seja realmente global, tinha de ser gravado em diferentes línguas, então tentei gravar no máximo de países diferentes.”

Ele também filmou o projeto, que se transformou num documentário que o mostra trabalhando com Pink, India.Arie, Jeff Beck, John Legend, Chaka Khan, The Chieftains, Wayne Shorter, Dave Matthews e Anoushka Shankar.

Embora o conceito do álbum seja de Hancock, ele disse não estar familiarizado com todos os artistas, então confiou no produtor Larry Klein, que conhecia as músicas e letras dos outros músicos.

“Concebi a ideia, fiz a pesquisa, toquei a música, mas o Larry foi uma enorme ajuda em formar uma firme fundação mesmo antes de chegarmos à música em si”, disse Hancock.

A faixa-título junta a roqueira Pink com o cantor de soul Seal. Pink também divide com o cantor de R&B John Legend uma comovente versão do hit “Don’t Give Up”, de Peter Gabriel.

India.Arie faz uma animada interpretação da balada “Imagine” (1971), de John Lennon, com um festivo clima caribenho. O casal Susan Tedeschi e Derek Trucks apresenta uma versão áspera e ardente de “Space Captain”, de Joe Cocker.

Os vocais cheios de sentimento de James Morrison valorizam o clássico “A Change Is Gonna Come”, de Sam Cooke.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below