Aura de "Tubarão" permanece no vinhedo que foi set de filmagens

quarta-feira, 7 de julho de 2010 16:11 BRT
 

Por Lauren Keiper

MARTHA'S VINEYARD, Massachusetts (Reuters) - Depois de 35 anos, as pessoas ainda não se cansaram de assistir ou discutir "Tubarão", clássico filme de Steven Spielberg.

O filme de suspense sobre o tubarão continua competitivo na lista de sucessos de Hollywood, tendo arrecadado 470 milhões de dólares nas bilheterais mundiais. A sinistra música tema do filme, de John Williams, é conhecida por crianças e adultos de todas as idades, mesmo por aqueles que não assistiram ao filme.

A agitação é ainda mais forte no set original de filmagens de "Tubarão" --as praias e vilarejos no Martha's Vineyard, em Massachusetts. O local foi usado para representar a ilha fictícia de Amity no filme de 1975, baseado no livro de sucesso de Peter Benchley.

No vinhedo, é quase tão fácil encontrar um morador que foi um figurante no filme como comprar uma casquinha de sorvete.

A maioria dos figurantes era criança na época em que o filme foi gravado, e pagou 5 dólares por dia para nadar no oceano, brincar na praia, e mais importante, sair da água correndo e gritando quando o Tubarão --mais conhecido pelos integrantes do filme como Bruce, um tubarão mecânico-- se aproximasse.

"Ele transformou completamente os filmes assustadores", disse Tina Miller, moradora de longa data do Vineyard, que apareceu no filme junto com seu pai e irmão.

Tom Smith, hoje um policial no bairro de Edgartown, era um aluno de terceira série quando apareceu na versão original de "Tubarão"; estava no ginásio quando foi escolhido para o elenco da sequência do filme, e faltou uma semana na faculdade para ajudar como segurança especial em "Tubarão - A Vingança", o quarto filme da série.

"As pessoas que participaram no filme têm orgulho disso", disse ele. "Faz parte da identidade daquelas pessoas."

(Reportagem de Lauren Keiper)