Clooney depõe em Milão contra fraude no mundo da moda

sexta-feira, 16 de julho de 2010 12:13 BRT
 

Por Antonella Ciancio

MILÃO (Reuters) - O ator George Clooney prestou depoimento nesta sexta-feira em um julgamento de três pessoas acusadas de usar seu nome para promover uma marca de roupas em Milão.

O ator de 49 anos passou rapidamente em frente às câmeras antes de entrar em uma sala lotada do tribunal para prestar depoimento no processo de 2008.

"Eu vim aqui porque acredito no sistema judicial e porque existem pessoas usando meu nome para se aproveitarem de outras pessoas", disse Clooney ao tribunal.

Os réus -- Vincenzo Cannalire, Francesco Galdelli e Vanja Goffi -- foram acusados de fraude, falsificação e posse de bens roubados. Cannalire era o único presente.

O julgamento envolve um show realizado em um hotel de Milão dois anos atrás. Os réus são acusados de usar o nome de Clooney para tentar promover uma linha de roupas durante o evento.

Na audiência, Clooney olhou diversas fotos mostrando ele ao lado dos acusados, e disse serem falsas. Ele então apresentou fotos suas originais para provar a afirmação.

Clooney olhou para Cannalire depois de observar as fotos, sorriu e disse: "Bom trabalho. Você deve estar orgulhoso de si mesmo."

Antes de deixar o tribunal seguido por jornalistas e flashes de câmeras, Clooney disse à Reuters: "Não foi muito difícil. É fácil quando você consegue provar que está absolutamente certo."

 
<p>George Clooney (centro) &eacute; rodeado por multid&atilde;o ao sair de tribunal de Mil&atilde;o.C looney prestou depoimento nesta sexta-feira contra tr&ecirc;s pessoas acusadas de usar seu nome para promover uma marca de roupas em Mil&atilde;o. 16/07/2010 REUTERS/Alessandro Garofalo</p>