Produtor da série Raízes, David Wolper morre aos 82 nos EUA

quarta-feira, 11 de agosto de 2010 19:02 BRT
 

Por Bob Tourtellotte

LOS ANGELES (Reuters) - O premiado produtor David L. Wolper, da lendária minissérie afro-americana "Raízes", morreu aos 82 anos fazendo aquilo que amava, assistindo à televisão.

Wolper, cuja carreira incluiu a produção das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos de 1984 em Los Angeles, morreu na noite de terça-feira de insuficiência cardíaca congestiva e complicações do mal de Parkinson, disse seu porta-voz Dale Olson.

O produtor estava em casa, em Beverly Hills, com a esposa, Gloria, a seu lado.

Em cerca de 50 anos no show business, Wolper e sua empresa fizeram mais de 300 filmes e programas de TV, acumularam mais de 150 prêmios, incluindo Oscars, Emmys, Globos de Ouro e Peabody's, e foi empossado na Calçada da Fama.

Ele recebeu um Oscar por seu documentário "The Race for Space" (1959) e foi produtor ou produtor-executivo de vários filmes, como "A Fantástica Fábrica de Chocolate" (1971) e "Cidade Proibida" (1997).

Mas "Raízes" pode ter sido seu auge. A minissérie de 1977 foi baseada no livro vencedor do prêmio Pulitzer de Alex Haley, que contava a história de uma família até seu ancestral, um homem africano chamado Kunta Kinte vendido como escravo para a América.

O programa seguiu a sua família através de inúmeros episódios da história dos Estados Unidos vista pela perspectiva dos afro-americanos. O elenco incluiu atores como Ben Vereen, Uggams Leslie, Cicely Tyson e LeVar Burton.