ESTREIA-Nicolas Cage vira feiticeiro em novo filme da Disney

quinta-feira, 12 de agosto de 2010 14:20 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Fato incontestável em qualquer ofício é a afirmação de que quantidade não significa, necessariamente, qualidade. A prova disso no cinema é o ator Nicolas Cage, que nos últimos anos alcançou a impressionante média de dois filmes por ano, com uma atuação tão irregular quanto as bilheterias de seus trabalhos.

Vencedor do Oscar de melhor ator por "Despedida em Las Vegas" (1995), elogiado por sua interpretação em "Adaptação" (2002) e em "Senhor das Armas" (2005), o ator também tem passado por uma série de revezes, como "O Sacrifício" (2006), "Perigo em Bangkok" (2008), "Motoqueiro Fantasma" (2007) e, agora, "Aprendiz de Feiticeiro", que estreia na sexta-feira em versões dubladas e legendadas.

Na pele do mago Balthazar Blake, Cage é eclipsado por seus colegas de elenco, apesar de estar na pele do personagem mais interessante e conflituoso da produção. Assim, sobra para Jay Baruchel (de "Trovão Tropical") levar folgadamente o filme nas costas.

Para entender a trama é preciso lembrar das antigas lendas do Ciclo Arturiano sobre o mago Merlin. No roteiro de Mark Rosenthal e Lawrence Konner, que assinaram juntos a refilmagem de "Planeta dos Macacos" (2001), o mago tinha três alunos: Balthazar, Maxim Horvath (Alfred Molina, de "Educação") e Verônica (Monica Bellucci, de "Irreversível").

Quando Horvath trai Merlin (que é assassinado) em favor da bruxa Morgana (Alice Krige, de "O Contrato"), que ambiciona dominar o mundo, Balthazar consegue aprisioná-la em um receptáculo juntamente com seu novo pupilo e, por desastre, Verônica. Sozinho, ele passa séculos buscando um sucessor de Merlin para enfrentar Morgana e libertar sua amada.

O escolhido é o atrapalhado Dave (Baruchel), um jovem estudante de física. Sua completa falta de tato social e covardia tornam-se, como já foi provado em séries de TV ("Big Bang Theory") ou filmes ("A Vingança dos Nerds"), uma espécie de alívio cômico da trama. Posto bem personificado pelo divertido ator que, com seus 28 anos, aparenta 18 na tela.

"Aprendiz de Feiticeiro" se apresenta para todos os públicos, apesar de sua tônica infantil. Mesmo assim, o diretor Jon Turteltaub (de "Duas Vidas") consegue amarrar, de forma excepcional, a narrativa cômica ao lado dos efeitos especiais, imprescindíveis para esta produção.

Como não poderia deixar de acontecer, nas mãos de Jerry Bruckheimer (são dele os direitos de "Piratas do Caribe", "Bad Boys" e, na TV, os múltiplos "CSIs"), a produção se tornará uma franquia. Afinal, com mágica tudo é possível e Jerry sabe farejar bilheteria.

(Por Rodrigo Zavala, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb

 
<p>Nicolas Cage em estreia de "Aprendiz de Feiticeiro" em Nova York. O filme estreia em circuito nacional neste final de semana. 06/07/2010 REUTERS/Eric Thayer</p>