Vaso sanitário de Lennon é vendido por US$ 14,7 mil em leilão

sábado, 28 de agosto de 2010 17:10 BRT
 

Por Adrian Croft

LONDRES - (Reuters Life!) - Um vaso sanitário que pertenceu ao Beatle John Lennon foi arrematado por 14.740 dólares em um leilão no sábado, um valor cerca de dez vezes maior do que o estimado, segundo os organizadores do leilão.

Lennon, que foi assassinado em Nova York em 1980, mandou tirar o vaso sanitário de Tittenhurst Park, em Berkshire, no sul da Inglaterra, onde ele morou de 1969 até 1971 e o substituiu por um novo.

Os operários que tiraram o vaso sanitário azul e branco teriam sido aconselhados a "colocar flores ou algo parecido no vaso", de acordo com o catálogo do leilão.

O operário John Hancock guardou o vaso no seu galpão durante 40 anos, até a sua morte, quando foi posto à venda, de acordo com a imprensa britânica.

O vaso sanitário está entre peças dos Beatles vendidas num leilão como parte do Festival Semana Beatles, em Liverpool, cidade natal do grupo, no noroeste da Inglaterra.

Estimava-se que o vaso sairia por algo em torno de 1.150 e 1.500 dólares.

Anne-Marie Trace, que cuidou da venda e trabalha na Beatles Shop, em Liverpool, disse que o alto valor arrecadado foi uma surpresa para os organizadores.

"Acho que é o item mais estranho que já tivemos no nosso leilão", disse à Reuters.

O comprador não foi identificado, mas Trace disse que, provavelmente, o vaso sanitário iria para "o exterior".