Michaele Salahi, de "Real Housewives", tem esclerose múltipla

quarta-feira, 15 de setembro de 2010 16:54 BRT
 

Por Zorianna Kit

LOS ANGELES (Reuters) - Michaele Salahi, do reality show "Real Housewives of D.C.", negou na quarta-feira que tenha um transtorno alimentar, mas disse que sofre de esclerose múltipla.

Conhecida por ter entrado de penetra em um jantar oficial na Casa Branca no ano passado, Salahi disse à Fox News em entrevista que enfrenta a doença há 17 anos, o que a leva a ter aparência frágil e magra.

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que provoca perda de coordenação muscular e problemas de visão e fala, entre outros.

A decisão de Salahi de revelar a informação se deu após semanas de comentários irônicos de suas colegas "Real Housewives", segundo as quais ela teria um transtorno alimentar e precisaria de uma intervenção.

"Não sou anoréxica e nunca tive uma desordem alimentar", disse Salahi, acrescentando que guardou segredo sobre sua condição porque "eu nunca quis ser julgada, nunca quis que tivessem pena de mim e porque eu queria conservar meu emprego."

Salahi apareceu na Fox News com seu marido Tareq, jogador de polo, para promover um livro sobre o casal, intitulado "Cirque Du Salahi: Be Careful Who You Trust", escrito pela jornalista Diane Dimond.

"The Real Housewives of D.C", é o quinto programa da franquia de TV-realidade Bravo que trata das vidas e interações de mulheres socialites em cidades tão diversas quanto Nova York, Orange County, Califórnia, Atlanta e Nova Jersey.

 
<p>Michaele Salahi, do reality show "Real Housewives", afirmou sofrer de esclerose m&uacute;ltipla. REUTERS/Larry Downing</p>