Facebook vira filme em meio à febre de redes sociais

quarta-feira, 15 de setembro de 2010 20:29 BRT
 

Por Zorianna Kit

LOS ANGELES (Reuters) - O Facebook chegará à tela grande este ano com dois filmes que serão lançados com poucas semanas de diferença, em meio à febre de redes sociais.

O documentário independente "Catfish" e a superprodução hollywoodiana "The Social Network", no entanto, não poderiam ser mais diferentes.

"Chegamos ao ponto em que precisamos refletir sobre isso", disse o diretor de "Catfish", Ariel Schulman.

"'The Social Network' nos mostra como chegamos até aqui. 'Catfish' mostra onde estamos agora."

O Facebook é a rede social mais popular do mundo, com mais de 500 milhões de usuários ativos. Sites como MySpace, Tumblr e o serviço de microblogs Twitter também estão em alta, criando um complexo mundo online, em que tudo, desde sites de namoro a comunidades de videogame têm usuários que colocam sua vida pessoal à mostra.

Como mostra o documentário, nem todos nesses sites são quem dizem ser.

O filme, que chega aos cinemas norte-americanos na sexta-feira, segue os passos de Nev Schulmanin, um fotógrafo que se apaixona por uma garota no Facebook. Ao longo do tempo, o romance floresce e eles passam a conversar por telefone e mensagens.

Quando Nev, seu irmão Ariel e o amigo deles Henry descobrem algo supreendente, eles partem em viagem para conhecer a garota pessoalmente.

Já "The Social Network" será lançado em 1o de outubro nos EUA, e conta com o peso de nomes como o diretor David Fincher, indicado ao Oscar, e o roteirista ganhador de quatro Emmys Aaron Sorkin.

O filme se baseia no livro de Ben Mezrich, "The Accidental Billionaires: The Founding of Facebook, A Tale of Sex, Money, Genius and Betrayal". O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, hoje com 26 anos de idade, será interpretado pelo ator Jesse Eisenberg.

 
<p>Usu&aacute;rio navega pelo Facebook, que chegar&aacute; &agrave; tela grande este ano em meio &agrave; febre de redes sociais. REUTERS/Inigral Inc./Handout</p>