Autoridades japonesas detêm Paris Hilton em aeroporto de Tóquio

terça-feira, 21 de setembro de 2010 16:43 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A socialite Paris Hilton foi detida para interrogatório na terça-feira por autoridades do aeroporto de Tóquio, para onde tinha voado para finalidades de trabalho, um dia depois de se confessar culpada em Las Vegas de posse de cocaína.

Autoridades da imigração no Aeroporto Internacional de Narita detiveram Paris por algumas horas depois de seu avião fretado ter pousado. Elas pediram que ela passasse a noite em um hotel do aeroporto para ser interrogada novamente na quarta-feira, segundo relatos da mídia japonesa.

"Paris Hilton foi detida pelas autoridades de imigração em um aeroporto japonês nesta noite, depois de chegar para cumprir obrigações profissionais planejadas meses antes", disse a porta-voz de Paris em Los Angeles em comunicado à imprensa.

"Paris tinha a obrigação contratual de fazer essa viagem e não quis decepcionar suas marcas e seus muitos fãs asiáticos. Ela pretende cumprir seu contrato e está se esforçando muito para fazer o que é responsável, mas isto foge de seu controle", disse o comunicado, acrescentando que a celebridade está "muito decepcionada."

Na segunda-feira, em Las Vegas, Hilton confessou-se culpada de posse de cocaína, após ser presa recentemente com 0,8 grama da droga em uma bolsa. Ela recebeu sentença suspensa de um ano, foi multada em 2.000 dólares e instruída a prestar serviços à comunidade.

Ex-estrela do reality show "The Simple Life", a socialite de 29 anos é membro da família que fundou a rede de hotéis Hilton. Ela conseguiu aproveitar sua notoriedade para lançar uma carreira de sucesso, fazendo anúncios de produtos de moda, perfumes e outros.

 
<p>Paris Hilton &eacute; vista no tribunal do Centro Regional de Justi&ccedil;a de Las Vegas, nos Estados Unidos, dia 20. Ela foi detida para interrogat&oacute;rio na ter&ccedil;a-feira por autoridades do aeroporto de T&oacute;quio, para onde tinha voado para finalidades de trabalho, um dia depois de se confessar culpada em Las Vegas de posse de coca&iacute;na. 20/09/2010 REUTERS/Las Vegas Sun/Steve Marcus</p>