Dono milionário da Segway morre ao cair de penhasco

segunda-feira, 27 de setembro de 2010 14:15 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O milionário britânico dono da empresa Segway foi encontrado morto no fundo de um penhasco com uma das duas rodas do patinete motorizado fabricado por sua companhia ao lado de seu corpo, segundo informações divulgadas pela polícia nesta segunda-feira.

Jimi Heselden, de 62 anos, que comprou a empresa norte-americana Segway e era presidente do Hesco Bastion, foi encontrado morto em um rio perto de Leeds, no norte da Inglaterra, no domingo.

O incidente, descrito pela mídia como um acidente bizarro com o equipamento elétrico criado pela empresa, não está sendo tratado como suspeito. Um Segway foi encontrado perto do corpo do milionário.

"É com grande tristeza que temos de informar que Jimi Heselden morreu em um trágico acidente perto de sua residência, em West Yorkshire", disse a companhia, em um comunicado.

Inventado por Dean Kamen, o patinete motorizado Segway ficou famoso quando o ex-presidente norte-americano George W. Bush pegou um deles para dar uma volta, mas acabou pulando fora em seguida, após não ter conseguido manter o controle.

Heselden, um ex-mineiro que largou a escola aos 15 anos de idade, tornou-se um próspero homem de negócios, doando milhões de libras para a caridade. Neste mês, ele doou 10 milhões de libras (cerca de R$ 27 milhões) para um projeto comunitário de auxílio a regiões pobres.

De acordo com relatos da imprensa, Heselden era um dos homens mais ricos da Grã-Bretanha, com uma fortuna de cerca de 166 milhões de libras (R$ 448 milhões).

(Por Avril Ormsby)

 
<p>Jimi Heselden, dono da Segway, em foto-divulga&ccedil;&atilde;o de Londres. O milion&aacute;rio brit&acirc;nico foi encontrado morto no fundo de um penhasco com uma das duas rodas do patinete motorizado fabricado por sua companhia ao lado de seu corpo. 27/09/2010 REUTERS/Andy Paraskos, Hesco/Divulga&ccedil;&atilde;o</p>