OJ Simpson perde recurso a condenação de 2008 por roubo

sábado, 23 de outubro de 2010 16:14 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - O Supremo Tribunal do Estado norte-americano de Nevada rejeitou nesta sexta-feira pedido para reverter uma condenação de 2008 do ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson por tentar roubar objetos esportivos de lembrança de sua carreira.

O ex-astro, que está cumprindo uma sentença de até 33 anos, fez o pedido alegando má conduta judicial e questionando a formação racial do júri que o julgou, entre outros argumentos. Mas, em decisão de 24 páginas, o tribunal de Nevada rejeitou todos os oito argumentos no apelo.

Simpson, de 63 anos, foi condenado pelo assalto à mão armada de dois colecionadores de objetos esportivos em um hotel em Las Vegas em 2007. Ele afirmou que buscava recuperar objetos que lhe foram roubados.

O advogado de Simpson, Yale Galanter, sugeriu na época que o júri buscava se vingar da controversa absolvição de Simpson em 1995, quando foi acusado de matar sua ex-mulher e uma amiga em Los Angeles.

(Reportagem de Jill Serjeant)