"The King's Speech" lidera indicações a premiação britânica

segunda-feira, 1 de novembro de 2010 14:12 BRST
 

LONDRES (Reuters Life!) - "The King's Speech", com Colin Firth como o Rei George VI, que tenta superar uma debilitante gagueira, lidera o grupo de filmes no British Independent Film Awards deste ano, com oito indicações.

A produção, que também deve estar na disputa pelo Oscar, foi indicado para melhor filme britânico independente, melhor diretor (Tom Hooper), melhor ator (Firth), melhor ator coadjuvante (Geoffrey Rush e Guy Pearce) e melhor atriz coadjuvante (Helena Bonham Carter).

Já "Monsters", sobre vida em outros planetas, é um dos três filmes com seis indicações, incluindo quatro delas para o diretor Gareth Edwards: melhor filme independente britânico, melhor diretor, melhor diretor estreante e melhor desempenho técnico.

Também com seis indicações aparecem "Never Let Me Go", baseado no romance de Kazuo Ishiguro, e "The Arbor", um retrato da falecida dramaturga britânica Andrea Dunbar.

"Four Lions", uma afiada comédia sobre um grupo de jovens muçulmanos se preparando para se explodir durante a Maratona de Londres, foi indicado a cinco premiações, enquanto "Another Year", "Made in Dagenham" e "Brighton Rock" receberam quatro indicações.

Os vencedores do prêmio serão anunciados no dia 5 de dezembro.

Abaixo, veja os indicados nas principais categorias:

Melhor filme independente britânico - Four Lions, Kick-Ass, The King's Speech, Monsters e Never Let Me Go

Melhor diretor - Mike Leigh/Another Year, Matthew Vaughn/Kick-Ass, Tom Hooper/The King's Speech, Gareth Edwards/Monsters e Mark Romanek/Never Let Me Go   Continuação...

 
<p>Colin Firth posa para fotos na estreia do filme 'The King's Speech' em Londres. 21/10/2010 REUTERS/Toby Melville</p>