Simon Cowell é homenageado no Emmy Internacional

terça-feira, 23 de novembro de 2010 12:57 BRST
 

Por Chris Michaud

NOVA YORK (Reuters) - O magnata britânico da música e ex-jurado do "American Idol" Simon Cowell recebeu na segunda-feira um prêmio honorário na cerimônia anual do Emmy Internacional para programas de televisão produzidos fora dos Estados Unidos.

A Grã-Bretanha ganhou cinco prêmios importantes, e Portugal levou para casa seu primeiro Emmy da história.

Cowell deixou o "American Idol", programa da Fox para revelação de talentos, depois da última temporada, e recebeu o prêmio Founders Award, entregue pelo presidente do conglomerado da mídia News Corp., Rupert Murdoch. Ele elogiou Cowell por ser "um executivo inigualável" que também havia impulsionado os lucros da Fox.

"Aquele que disse que fama, dinheiro e sucesso irão destruir você -- completamente errados", ironizou Cowell.

Cowell acrescentou que aproveitou muito os últimos dez anos, promovendo franquias incluindo "Got Talent" e "The X Factor", que foram exibidos em diversos países pelo mundo.

Nesta temporada, ele irá trazer "The X Factor" à televisão norte-americana.

Apesar de a Grã-Bretanha ter sido o grande destaque da 38a cerimônia anual, os prêmios do Emmy Internacional também foram entregues à Romênia, Israel, Argentina, Coreia do Sul e Portugal, que venceu o prêmio de melhor telenovela por "Meu Amor".

O Brasil concorreu em cinco categorias, mas não levou para casa nenhum troféu.

Entre as indicações brasileiras -- todas de programas da TV Globo -- estavam "Por Toda Minha Vida: Cazuza", para melhor programa de artes, Lília Cabral, para melhor atriz, em "Viver a Vida", "Dó-Ré-Mi-Fábrica", que concorreu ao prêmio de melhor programa infanto-juvenil, "Kuarup", disputando melhor documentário, e "Som e Fúria", na categoria de melhor minissérie.

(Reportagem adicional de Yukari Sekine)

 
<p>Simon Cowell, com o trof&eacute;u do pr&ecirc;mio Founders, na 38a edi&ccedil;&atilde;o do Emmy Internacional em Nova York. 22/11/2010 REUTERS/Jessica Rinaldi</p>