Avião do "Milagre no Hudson" será exibido em museu

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011 20:27 BRST
 

CHARLOTTE, Estados Unidos (Reuters) - O avião da US Airways que fez um pouso de emergência milagroso no gelado Rio Hudson, em Nova York, em 2009, se encaminha para seu destino final: o Museu de Aviação das Carolinas.

O museu de Charlotte, na Carolina do Norte, está perto de finalizar um acordo para obter o Airbus A320 para sua ala de exposição permanente, disse na quarta-feira o presidente do museu, Shawn Dorsch.

"Este é sem dúvida um grande ícone da aviação internacional", disse Dorsch. "As pessoas de todo o mundo são cativadas por essa história."

Todas as 155 pessoas sobreviveram ao pouso de emergência de 15 de janeiro de 2009, depois que o avião foi atingido por pássaros, destruindo seus motores, momentos após a descolagem do aeroporto LaGuardia, em Nova York.

O piloto Chesley "Sully" Sullenberger tornou-se um herói americano pela sua hábil pilotagem do avião que se dirigia a Charlotte e sua simpatia sob os refletores da mídia. O incidente ganhou o apelido de "Milagre no Hudson."

O avião deve ser entregue em maio ao museu.

Dorsch disse que especialistas precisarão de vários meses para montar a aeronave para a exposição pública, em Charlotte, onde fica a sede da US Airways.

A exposição final incluirá o uniforme usado no voo por Sullenberger, que já se aposentou.

(Reportagem de Lauren Keiper)