Comediante Sacha Baron Cohen fará novo filme sobre ditador

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011 10:34 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - Sacha Baron Cohen, o comediante britânico que fez um retrato cômico do norte-americano médio em "Borat" e satirizou a indústria da moda com "Bruno", agora voltará as atenções para o lado mais leve das ditaduras.

Baron Cohen irá estrelar no filme "The Dictator", que estreia mundialmente no dia 11 de maio de 2012, segundo a distribuidora Paramount Pictures, em comunicado nesta quinta-feira.

"O filme conta a história heróica de um ditador que arrisca sua vida para garantir que a democracia nunca chegue ao país que ele oprimiu com tanto amor", acrescentou a Viacom Inc.

O projeto de 58 milhões de dólares será dirigido pelo veterano de "Seinfeld" Larry Charles, que também dirigiu "Borat" e "Bruno". Baron Cohen escreveu o roteiro junto com Alec Berg, Jeff Schaffer e David Mandel, outros membros antigos do "Seinfeld".

As gravações começarão ainda nesta metade do ano, segundo uma porta-voz do estúdio.

Baron Cohen, de 39 anos, gerou controvérsias com seu falso-documentário de 2006 "Borat", no qual interpretou um jornalista anti-semita do Cazaquistão que interage com verdadeiros norte-americanos que não sabem que estão participando de uma brincadeira.

O filme arrecadou cerca de 260 milhões de dólares mundialmente. Já em "Bruno", de 2009, ele interpretou um austríaco gay especialista em moda, arrecadou cerca de 140 milhões de dólares.

(Reportagem de Dean Goodman)

 
<p>Sacha Baron Cohen, interpretando "Borat", segura um filhote de canguru em Sydney, em 2006. O comediante brit&acirc;nico far&aacute; o novo filme "The Dictator". 13/11/2006 REUTERS/David Gray /Arquivo</p>