Morre Brian Jacques, autor dos livros infantis da série Redwall

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 17:34 BRST
 

LONDRES, 9 de fevereiro (Reuters Life!) - O autor britânico Brian Jacques, célebre por sua série de fantasia infantil "Redwall", morreu aos 71 anos.

Uma mensagem postada em seu site oficial na Internet disse que o criador da série de 21 livros, que vendeu estimados 20 milhões de cópias, faleceu em 5 de fevereiro.

O jornal Liverpool Echo disse que Jacques passou por uma cirurgia de emergência em Liverpool, sua cidade natal, mas morreu na noite de sábado.

Seu irmão Jim disse ao jornal que a família está "profundamente chocada" e que a morte de Jacques foi "repentina."

Brian Jacques nasceu em junho de 1939 e demonstrou potencial como escritor ainda na infância.

De acordo com sua biografia oficial, quando tinha 10 anos ele escreveu um conto sobre um pássaro que limpou os dentes de um crocodilo. Sua professora se recusou a acreditar que o conto não fosse plagiado, e Jacques foi tachado de mentiroso e submetido à palmatória.

Ainda adolescente, ele percorreu o mundo na marinha mercante. Retornando à Inglaterra, fez vários tipos de trabalho: foi motorista de ônibus, boxeador e escreveu peças de teatro.

Ele começou a escrever "Redwall" para as crianças de uma escola para cegos em Liverpool, para a qual fazia entregas de leite. A história gira em torno do jovem camundongo Matthias, que cria coragem para proteger a abadia de Redwall quando ela é ameaçada por um rato chamado Cluny.

Jacques deixa sua mulher, Maureen, e seus dois filhos: Marc, que é carpinteiro e pedreiro, e David, artista contemporâneo.

(Reportagem de Mike Collett-White)