CBS cancela seriado após insultos de Charlie Sheen a produtores

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011 09:10 BRT
 

Por Jill Serjeant

LOS ANGELES (Reuters) - A CBS cancelou a produção de sua comédia de sucesso "Dois Homens e Meio" (Two and a Half Men, no original) pelo resto da temporada, informou a emissora de TV na quinta-feira, depois que o astro Charlie Sheen criticou o produtor do programa.

A decisão foi anunciada dias antes de Sheen, o ator mais bem pago da televisão norte-americana, ao retornar ao set de filmagens após sua terceira internação em 12 meses numa clínica de reabilitação.

A produção de "Dois Homens e Meio" foi suspensa em janeiro quando Sheen, de 45 anos, foi convencido a buscar ajuda depois de uma festa de 36 horas em sua casa, ao final da qual ele foi parar no hospital.

Em entrevista a um programa de rádio e em comentários no site de celebridades TMZ.com na quinta-feira, Sheen xingou o produtor do programa, Chuck Lorre, "um charlatão (que) escolheu não fazer seu trabalho", um "pedaço de merda" e um "homem muito, muito estúpido".

Sheen também menosprezou os Alcoólatras Anônimos e disse que se curou com sua "mente" depois de quatro semanas de tratamento contra o álcool e drogas em sua casa.

"Baseado nas declarações, na conduta e no estado de Charlie Sheen, a CBS e o canal Warner Bros. decidiram descontinuar a produção de "Two and a Half Men" pelo resto da temporada", disseram a rede e os produtores do programa em comunicado.

Sheen respondeu rapidamente com uma carta aberta à TMZ.com, referindo-se novamente a Lorre de forma pejorativa.

"Eu peço a todos os meus lindos e fiéis fãs que acompanham esse programa há quase uma década que caminhem comigo, lado a lado, enquanto subimos marchando as escadas da justiça para consertar esse erro injusto", acrescentou Sheen.

 
<p>O ator Charlie Sheen acena para f&atilde;s em Aspen, Colorado, 2 de agosto de 2010. REUTERS/Rick Wilking</p>