Lista dos indicados ao Nobel 2011 inclui WikiLeaks e Internet

terça-feira, 1 de março de 2011 14:33 BRT
 

Por Wojciech Moskwa

OSLO (Reuters) - O site WikiLeaks, a Internet e uma ativista russa de direitos humanos estão na lista de indicados para o Prêmio Nobel da Paz de 2011, que tem um recorde de 241 nomeações neste ano.

O Comitê do Nobel norueguês disse nesta terça-feira que a lista de indicados para 2011 inclui 53 organizações e supera as 237 indicações do ano passado.

Entre os nomeados também estão a defensora dos direitos humanos afegã Sima Samar, a União Europeia, o ex-chanceler alemão Helmut Kohl, o dissidente cubano Oswaldo Paya, o grupo russo de direitos humanos Memorial e sua fundadora Svetlana Gannushkina.

"Olhando no longo prazo, podemos dizer que o interesse pelo prêmio é forte, e cresce junto com o número de candidatos", disse à Reuters Geir Lundestad, membro do comitê Nobel que não participa da votação.

Membros de todos os Parlamentos nacionais, professores de direito ou ciências políticas e vencedores anteriores estão entre aqueles que podem fazer indicações. Alguns revelam suas indicações publicamente.

O WikiLeaks recebeu a atenção mundial e irritou uma série de governos ao publicar milhares de documentos secretos dos Estados Unidos. Seu polêmico fundador, Julian Assange, pode ser extraditado da Grã-Bretanha para a Suécia sob alegações de crimes sexuais, acusações que ele nega.

Lundestad não quis comentar se as rebeliões populares no Norte da África e no Oriente Médio poderiam influenciar a discreta comissão de cinco membros do Nobel.

Alguns especialistas dizem que a Internet e as mídias sociais como Facebook e Twitter, utilizados para organizar protestos em países com governos autoritários, poderiam receber o prêmio.

O nome do vencedor ou vencedores do prêmio, criado pelo inventor da dinamite, o sueco Alfred Nobel, será divulgado em outubro. Ele receberá 10 milhões de coroas suecas (1,58 milhão de dólares).