Doente, noivo dá o "sim" pelo Skype

segunda-feira, 7 de março de 2011 19:12 BRT
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters Life!) - Um casal da Califórnia celebrou sua união pelo Skype durante o fim de semana, depois de o noivo ser internado sob isolamento total por causa de uma infecção pulmonar.

Amigos e parentes de Samuel Kim e Helena Oh, ambos de 27 anos, já tinham viajado de lugares tão distantes quanto a Coreia e Nova York a fim de assistir à cerimônia marcada para sábado em Fullerton, no sul da Califórnia.

Mas na semana passada o noivo começou a escarrar sangue, o que inicialmente ele evitou comentar com a futura esposa, segundo relatou Kim à Reuters. Quando ficou inevitável esconder a doença, o casal concluiu que a solução seria realizar a cerimônia numa videoconferência pela internet.

"Os convidados disseram que foi inspirador, que eles realmente admiravam minha noiva por conseguir ficar no altar como ficou, sozinha, e sem chorar em nenhum momento", disse Kim no seu leito do Centro Médico UCI, na localidade de Orange.

"Ela foi capaz de se segurar e eu fui capaz de me segurar, sem chorar nem nada", disse ele.

A noiva disse que o casamento via Skype não era o ideal, mas que os convidados ficaram satisfeitos. "Ele disse que vai compensar isso, prometeu a mim que vai ser o melhor marido do mundo", disse Oh. "Ele se sentia péssimo por não estar lá."

O casamento foi filmado por cinco câmeras e mostrado em telões para os cerca de 500 convidados, enquanto Kim assistiu por um laptop na ala de isolamento do hospital, que foi decorada com flores pelas enfermeiras para a ocasião.

Mas Oh disse que o mérito pelo sucesso da cerimônia não é só da tecnologia. "Eu não poderia ter feito isso sem Deus", disse ela.

Agora falta só a lua de mel. Kim surpreendeu Oh com passagens aéreas para a Europa, onde o casal visitará Paris e Praga --mas só depois de ele ter alta, o que deve acontecer nesta semana.