Cantor Pete Doherty é interrogado sobre roubo na Alemanha

sexta-feira, 11 de março de 2011 15:41 BRT
 

BERLIM (Reuters Life!) - O cantor britânico Pete Doherty foi interrogado na Alemanha sob a suspeita de ter roubado uma guitarra e discos, informou a polícia na sexta-feira.

O vocalista da banda Babyshambles, que está sendo investigado ao lado e outros dois homens, nega ter roubado uma guitarra no valor de 300 euros (415 dólares) da vitrine de uma loja da cidade de Regensburg, na Baviera.

Doherty disse que estava no local do incidente na madrugada de terça-feira, mas não era envolvido no caso. "Eu estava lá, mas não fui eu", disse ele à televisão alemã.

O roqueiro de 31 anos está em Regensburg para as gravações de um filme com a atriz e cantora francesa Charlotte Gainsbourg.

A polícia não quis fornecer o nome dos outros dois suspeitos no incidente, mas disse que um deles era conhecido.

O caso foi passado para os promotores, que decidirão se vão indiciar os três por roubo, informou a polícia.

Doherty ganhou a reputação de 'bad boy' nos anos 2000 enquanto era vocalista da banda britânica The Libertines.

Não é a primeira vez que ele chega às manchetes de jornais na Alemanha.

Em 2009, o artista pediu desculpas depois de cantar versos banidos do hino nacional alemão num show em Munique e foi preso em Berlim por supostamente ter quebrado a janela de um carro.

Os versos do hino alemão foram banidos depois da 2a Guerra Mundial por causa de sua associação com o nazismo.

(Reportagem de Eric Kelsey)