Smashing Pumpkins relançará discos com extras

terça-feira, 26 de abril de 2011 16:12 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A banda Smashing Pumpkins vai relançar seus discos clássicos em um projeto de três anos que começa no segundo semestre, com versões expandidas de três álbuns, incluindo o seu primeiro sucesso, de 1993, "Siamese Dream", disseram o vocalista Billy Corgan e a EMI Music na terça-feira.

Também será relançado seu álbum de estréia de 1991, "Gish", e a coletânea de raridades de 1994 "Pisces Iscariot." A data exata de lançamento ainda não foi marcada.

No ano que vem, Corgan e a EMI relançarão o álbum duplo de 1995 "Mellon Collie and the Infinite Sadness", de 1996, a caixa de cinco álbuns "The Aeroplane Flies High" e a decepção comercial "Adore", de 1998.

Em 2013, os dois últimos álbuns da banda, "Machina / The Machines of God" e "Machina II: The Friends & Enemies of Modern Music", de 2000, vão ser lançados como um pacote. Um pacote de sucessos, possivelmente com canções que tocam nas rádios, como "1979", "Cherub Rock" e "Today", também será lançado em 2013.

"O negócio com a EMI é inovador, porque a banda detém os direitos de todo o material inédito e decidirá o que vai ser lançado, com base em nossos critérios", disse Corgan, vocalista, compositor e guitarrista da banda, em um comunicado. "Em essência, a banda tem as chaves do depósito e pode liberar o que quiser, quando quiser."

O comunicado não informou qual seriam os bônus incluídos no reedições.

Corgan é o único membro original do Smashing Pumpkins, que ele fundou em Chicago em 1988. A banda se separou em 2000, e Corgan a reativou em 2006, com um grupo de instrumentistas em rotação e muito menos sucesso comercial. A banda está planejando uma turnê em agosto, e pretende lançar um novo álbum online, em setembro, disse o comunicado.

Não ficou claro em que medida os ex-membros da formação clássica da banda - com o guitarrista James Iha, o baixista D'arcy Wretzky e o baterista Jimmy Chamberlin - estariam envolvidos no processo de relançamento.